Ipad

Quer ficar bem informado sobre os seus direitos e ter acesso a artigos jurídicos numa linguagem fácil diretamente no seu e-mail?

INSCREVA-SE E RECEBA NOSSAS NOVIDADES!

Mala extraviada! E agora?

Você fez aquela viagem dos sonhos e na volta pra casa não encontrou sua mala? 

Calma! Como consumidor são garantidos a você alguns direitos... 

Para se resguardar em situações de extravio, é essencial que você guarde o comprovante de despacho de bagagem. Se for possível, tire fotos da sua mala e do que contém nela. 

Tanto a companhia aérea quanto a agência de viagens (caso você tenha adquirido passagens ou pacotes com uma) são responsáveis por extravios e perdas. 

Ao perceber que sua mala não está na esteira: 

* O primeiro passo é procurar um funcionário da companhia aérea para registrar formalmente a perda da mala; 

* O prazo para devolução da bagagem extraviada é de 7 dias para voos domésticos e 21 para voos internacionais (a companhia deve enviar a mala para a sua residência sem custos); 

* Se a empresa não encontrar a bagagem nos prazos acima, terá 7 dias para pagar a indenização devida. Aqui podemos perceber a importância de ter registrado de alguma forma o que tinha na mala. Pode ser por fotos, vídeos, notas fiscais...cada companhia aérea adota um critério quanto ao valor das indenizações.

* Caso o passageiro tenha dificuldades em ter sua bagagem restituída ou ser indenizado, pode procurar o PROCON de sua cidade, um advogado ou a Defensoria Pública para ter seus direitos garantidos na via judicial.

Lembrando que tentar uma solução amigável junto à empresa é muito melhor...o Judiciário tem muitos processos a serem julgados. Conciliar sempre é a saída mais adequada e célere, principalmente em questões envolvendo direitos consumeristas.

Ao viajar, procure identificar suas malas com nome, endereço e telefone para contato. Leve documentos, medicamentos e algumas poucas peças de roupa em uma mala de mão para caso de imprevistos.

Esteja sempre atento aos seus direitos e boa viagem!

Abraços, 

Jullyana Costa
Gostou do artigo?
Insira seu e-mail abaixo para receber nossas novidades
Feito com